World Vision Moçambique
country

Moçambique

Uma das mais antigas e maiores organizações não-governamentais a operar em Moçambique, a World Vision-Moçambique (WV-Moç) – cujo escritório sede localiza-se na capital Maputo – iniciou as suas actividades em 1983. Na altura vivia-se o auge da guerra civil que ao longo de 16 anos provocou luto e destruição neste país da África Austral. Os programas e projectos da WV-Moç estavam na altura totalmente virados para o auxílio de emergência, em particular para a assistência às milhares de pessoas, por entre deslocados e refugiados e incluindo crianças e mulheres, obrigadas a abandonar as suas zonas de origem devido á guerra.

Com o advento da paz em 1992 e nos anos que se seguiram a WV-Moç desempenhou um papel crucial como um dos parceiros do Governo de Moçambique e da comunidade internacional naquilo que se tornara numa das mais importantes e imediatas prioridades pós guerra: o reassentamento de 1,5 milhão de refugiados, o correspondente então a 10 % da população Moçambicana.

Com a solidificação do processo de paz e o cimentar dos seus alicerces as populações elegeram como o desafio seguinte a restauração das suas vidas e a reconstrução do seu país. Assim sendo e como parte dos compromissos assumidos com essas mesmas populações - antes completa e desesperadamente dependentes de ajuda humanitária - a WV-Moç viu-se perante um dever incontornável: continuar a trabalhar para e com o povo de Moçambique. Como tal a WV-Moç adaptou-se á nova realidade, formulando novas estratégias e definindo novas metas com um único objectivo: contribuir para a caminhada de Moçambique rumo a um amanhã melhor.

De uma perspectiva puramente de ‘emergência’ os programas e projectos da WV-Moç passaram a ter como objectivo o ‘desenvolvimento integrado’, empregando cerca de um milhar de trabalhadores. São os casos dos programas e projectos de Agricultura e Segurança Alimentar; Prevenção do HIV/SIDA e mitigação do impacto da pandemia; Patrocínio à Criança, Saúde Materno-Infantil e Nutrição; Água e Saneamento; Advocacia e Desenvolvimento de Infra-estruturas.

A WV-Moç abrange actualmente, através dos seus programas e projectos, perto de 3.5 milhões de pessoas nas províncias de Gaza na (região sul), Tete e Zambézia (centro) e Nampula (norte).

Facebook Feed